QUINTA-FEIRA, 21 DE JUNHO DE 2018
DATA: 23/05/2018 | FONTE: Campo Grande News Assaltante é preso um dia após invadir casa com pistola de madeira Simulacro de arma fabricado com pedaço de pau foi usado por quadrilha que agrediu vítimas e levou moto

Um simulacro de pistola, feito com pedaços de madeira entalhada, foi usado por uma quadrilha que invadiu uma casa em Dourados, cidade a 233 km de Campo Grande, e submeteu um casal de namorados a momentos de terror na madrugada de domingo (20).

A arma de mentira foi apreendida ontem pelo SIG (Serviço de Investigações Gerais) com Kenedy Vieira Diniz, 19, o “Pequeno”, único dos quatro assaltantes preso até agora. Com antecedentes criminais, Kenedy confessou ter praticado o roubo.

De acordo com o delegado Rodolfo Daltro, chefe do SIG em Dourados, o assalto ocorreu por volta de 0h30 de domingo, no Jardim dos Estados, região norte da cidade. A moradora estava com o namorado quando três bandidos invadiram o local e anunciaram o roubo.

Usando a arma de madeira para ameaçar as vítimas, os assaltantes agiram com extrema violência e mesmo sem esboçar reação o casal foi agredido fisicamente. O homem foi agredido com um pedaço de metal e sofreu um corte na testa.

As vítimas tiveram as mãos amarradas e a todo o momento eram ameaçadas de morte. Os bandidos deixaram a casa levando a moto do rapaz, uma Honda Falcon. Cerca de uma hora depois, os assaltantes voltaram à residência para levar outra moto, mas fugiram quando as vítimas começaram a gritar pedindo socorro.

 

Confessou assalto – O SIG começou a investigar o assalto ainda no domingo, quando descobriu que quatro bandidos praticaram o crime, já que um deles permaneceu na área externa, vigiando a casa. Ontem os policiais chegaram a Kenedy Diniz, que assumiu ter participado do roubo.

Na casa dele foi encontrado o simulacro no formato de uma pistola. Os outros dois assaltantes que entraram na casa já foram identificados, mas continuam foragidos. Já o bandido que ficou do lado de fora da residência ainda não foi identificado.

Kenedy disse que a moto levada no assalto foi vendida por um dos outros assaltantes. Ele foi autuado em flagrante por roubo qualificado pelo concurso de agentes. O delegado Rodolfo Daltro pediu a prisão preventiva dele e dos outros dois assaltantes já identificados.

21/06/2018 Pistoleiro confessa crime e garante que não sabia que alvo era um prefeito
POLICIA
21/06/2018 Homem é flagrado estuprando criança e assume: ‘é errado, mas gosto de fazer’
POLICIA
21/06/2018 Homem é encontrado morto dentro de cela na Penitenciária de Dourados
POLICIA
21/06/2018 PMA registra, em um dia, dois casos de caça ilegal em Mato Grosso do Sul
POLICIA
© JORNAL DO CONESUL | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS