SEGUNDA FEIRA, 23 DE ABRIL DE 2018
DATA: 17/04/2018 | FONTE: msn São Paulo bate Paraná na estreia no Brasileiro mesmo com time misto e agora já pensa na Copa do Brasil

São Paulo estreou no Campeonato Brasileiro com a cabeça voltada para a Copa do Brasil e por isso jogou sem cinco titulares diante do Paraná. Apesar disso, a equipe conseguiu vencer por 1 a 0, no estádio do Morumbi, em São Paulo, na noite desta segunda-feira, para alivio geral.

 Desde o triunfo contra o Corinthians por 1 a 0, em 25 de março, foram um empate e duas derrotas.

Na próxima quinta-feira, o São Paulo volta ao Morumbi, mas para encarar o Atlético-PR por uma vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil. Como perdeu em Curitiba por 1 a 0, a equipe paulistana precisa de uma vitória por dois gols de diferença para avançar de fase no tempo regulamentar.

Mesmo com o foco inteiro no torneio mata-mata, que assegurará ao campeão uma vaga na próxima Copa Libertadores e uma premiação de R$ 50 milhões, era importante vencer nesta segunda-feira para trabalhar com a cabeça tranquila até o jogo.

Quem assegurou essa tranquilidade foi o zagueiro Bruno Alves, autor de uma finalização de cabeça aos 36 minutos do primeiro tempo que abriu o placar. Ele foi um dos reservas utilizados pelo técnico Diego Aguirre na partida. Substituiu o equatoriano Arboleda, poupado.

Também foram poupados o volante Petros, o meia Nenê, o meia-atacante Liziero e o atacante Tréllez.

O time tricolor não sentiu tanta falta desses jogadores graças ao Paraná, que tratou mais de se defender e esqueceu de atacar. No primeiro tempo os paranistas não deram chute algum ao gol. Foram melhorar na etapa final, quando passaram a jogar no erro da defesa são-paulino. Muito pouco.

Com o triunfo na estreia, o São Paulo se junta a outros sete times que também venceram na rodada de estreia. Pelo saldo, é o sétimo colocado. O Paraná, que assim como outros sete times perdeu, aparece na 15ª posição.

Pelo Campeonato Brasileiro, o São Paulo volta a campo no próximo domingo para enfrentar o Ceará, em Fortaleza. Na mesma data, o Paraná jogará com o Corinthians, em Curitiba.

Confira abaixo o que aconteceu de melhor durante a partida.

TIME MISTO

Pensando no duelo que decidirá  a vaga nas oitavas de final da Copa do Brasil, o técnico Diego Aguirre mexeu na formação titular do São Paulo.

Deixou fora cinco titulares. No caso Arboleda, Petros, Liziero, Nenê e Tréllez, que foram substituídos por Bruno Alves, Hudson, Lucas Fernandes, Cueva e Brenner, respectivamente.

Essa não foi a única mudança. Sem Reinaldo, que sofreu uma contratura na coxa esquerda na última quinta-feira e deve desfalcar o time por mais duas semanas, ele improvisou Régis na lateral esquerda.

MUITA POSSE DE BOLA...

O São Paulo chegou a ter quase 65% da posse de bola na meia hora inicial de jogo, com domínio territorial e sem sofrer sustos defensivos. No entanto, isso não refletiu em chances de gol. O time teve apenas um chute certo, de Lucas Fernandes. Richard defendeu.

A falta de força ofensiva fez o público presente no Morumbi esfriar e o duelo oscilou em qualidade.

Nas poucas vezes que poderia ter chegado próximo ao gol, o São Paulo parou na defesa paranista ou em erros próprios.

E O GOL

De tanto insistir, o gol aconteceu.

Foi aos 36 minutos da etapa inicial. Cueva descolou um cruzamento para a área, na cabeça do zagueiro Bruno Alves, aniversariante da noite. Ele finalizou sem dificuldade e marcou.

Na comemoração, foi abraçado pelos companheiros e até ficou emocionado. Foi o segundo tento dele pelo time tricolor.

LEDO ENGANO

Isso não se confirmou na sequência da partida. Os dois times caíram muito, cometendo mais erros.

Até conseguiram finalizações ao gol (algo que faltou no primeiro tempo), mas nada que complicasse as defesas.

Aguirre até mexeu no time duas vezes. Colocou Junior Tavares no lugar de Brenner, muito apagado, e Nenê na vaga de Cueva, cansado. Mas o panorama não mudou.

FICHA TÉCNICA

SÃO PAULO X PARANÁ

CAMPEONATO BRASILEIRO 2018 - 1ª RODADA

DATA/HORA: segunda-feira, 20h

LOCAL: estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)

PÚBLICO: 11.327 presentes

RENDA: R$ 338.295,00

ÁRBITRO: Braulio da Silva Machado

ASSISTENTES: Kleber Lucio Gil e Henrique Neu Ribeiro

CARTÃO AMARELO: Éder Militão (SPO), Junior Tavares (SPO), Régis (SPO) e Sidão (SPO); Leandro Vilela (PAR) e Thiago Santos (PAR)

GOLS: Bruno Alves (SPO), aos 36 minutos do 1º tempo

SÃO PAULO: Sidão; Éder Militão, Rodrigo Caio, Bruno Alves e Régis; Jucilei, Hudson, Cueva (Nenê) e Lucas Fernandes (Valdívia); Marcos Guilherme e Brenner (Junior Tavares). Técnico: Diego Aguirre

PARANÁ: Richard; Alemão, Jesiel, Rayan e Mansur (Marcelo Báez); Leandro Vilela (Thiago Santos), Wesley Dias, Carlos Eduardo e Caio Henrique; Silvinho e Diego (Léo Itaperuna). Técnico: Rogério Micale

23/04/2018 Eldorado-sediou fase da Copa Morena de Futsal 2018
ESPORTE
23/04/2018 Corinthians goleia e já é líder isolado
ESPORTE
22/04/2018 RFS abre a rodada com vitória no SFPMN
ESPORTE
22/04/2018 Para surpreender o Novo aposta em base do Nacional-SP
ESPORTE
© JORNAL DO CONESUL | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS