TERÇA-FEIRA, 25 DE SETEMBRO DE 2018
DATA: 17/04/2018 | FONTE: msn Botafogo e Palmeiras vacilam e empatam na estreia do Brasileirão

Botafogo e Palmeiras começaram o Campeonato Brasileiro com empate: 1 a 1, no estádio Nilton Santos, nesta segunda-feira. Guerra, após vacilo de Igor Rabello, fez o gol alviverde, enquanto o próprio Igor se redimiu no fim e igualou o placar em um jogo que contou com Tite, técnico da Seleção Brasileira, nas arquibancadas.

O resultado foi melhor para os cariocas, que comemoram a conquista do Estadual antes do jogo começar e saíram atrás no placar. Alberto Valentim e seus comandados não deixaram o visitante carimbar a faixa de campeão.

A equipe alviverde, que vem da derrota na final do Paulista para o Corinthians e o empate no fim, em casa, com o Boca Juniors (ARG), deixou escapar outra vitória. Mais uma vez, a defesa deixou preocupada a torcida palmeirense.

Faixas e reencontro

O pré-jogo no Nilton Santos teve a festa das faixas de campeão carioca para o Botafogo, que também deixou a taça do Estadual exposta no estádio. Pelo lado palmeirense, a maioria dos jogadores foi cumprimentar Alberto Valentim, muito querido pelo elenco alviverde, comandado por ele na reta final do último Brasileiro.

Bota cria perigo

Embora a primeira boa chance do jogo tenha sido do Palmeiras, foi o Botafogo a equipe mais perigosa na primeira etapa. Com o Verdão tendo dificuldades para criar graças a erros na saída de bola na defesa e outro jogo apagado de Lucas Lima, Leo Valencia obrigou Jailson a fazer uma boa defesa no fim da primeira etapa. Mas o jogo não empolgou.

Guerra muda o time

Lucas Lima não voltou do intervalo e deu lugar a Guerra no Verdão. O venezuelano mudou o time e abriu o placar, após uma boa jogada entre Keno e Dudu. É a segunda partida seguida que o camisa 18 entra bem: diante do Boca Juniors (ARG) ele deu uma assistência. Novo titular?

Empate brigado

Valentim deixou o Botafogo mais perigoso com suas mudanças, e após o gol palmeirense, a equipe da casa foi a que criou mais chances. O gol do Glorioso veio como o time alviverde tem acostumado a sofrer: em erros defensivos. Em um dos vários cruzamentos para a área, Felipe Melo saiu da bola, Thiago Martins ficou de costas após Igor Rabello furar o primeiro chute e deixou fácil para o zagueiro, na segunda vez, fazer o 1 a 1.

O Palmeiras volta a campo no domingo, quando recebe o Inter, no Pacaembu. O Fogão visita o Sport na próxima segunda.

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO 1 X 1 PALMEIRAS

Local: estádio Nilton Santos, Rio de Janeiro (RJ)

Data-Hora: 16/4/2018, às 20h

Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG)

Auxiliares: Guilherme D. Camilo (Fifa-MG) e Sidmar S. Meurer (MG)

Público/renda: 7.020 pagantes/R$ 207.880,00

Cartões amarelos: Marcinho (BOT); Diogo Barbosa, Marcos Rocha, Felipe Melo e Dudu (PAL)

Cartões vermelhos: -

Gols: Guerra - 8'/2ºT (1-0); Igor Rabello, 36'/2º (1-1)

BOTAFOGO: Gatito Fernández, Marcinho, Carli, Igor Rabello e Gilson; Rodrigo Lindoso, Matheus Fernandes (Kieza - 29'/2ºT) e Bochecha (Marcos Vinícius - 18'/2ºT); Leandro Carvalho (Rodrigo Pimpão - 18'/2ºT), Brenner e Valencia. Técnico: Alberto Valentim.

PALMEIRAS: Jailson, Marcos Rocha, Antônio Carlos, Thiago Martins e Diogo Barbosa; Felipe Melo e Bruno Henrique (Moisés - 31'/2ºT); Dudu, Lucas Lima (Guerra - intervalo) e Keno; Willian (Deyverson - 24'/2ºT). Técnico: Roger Machado.

24/09/2018 Contra o Corinthians, Inter busca vitória inédita em Itaquera para retomar liderança
ESPORTE
24/09/2018 Cruzeiro supera problemas e bate o Santos de virada no Mineirão
ESPORTE
23/09/2018 Iguatemi- Bili Motos e Mercado Paulistano garantem vaga na Semifinal do Municipal de Futebol Suíço
ESPORTE
23/09/2018 América arranca empate no Morumbi e São Paulo deixa liderança ameaçada
ESPORTE
© JORNAL DO CONESUL | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS