QUINTA-FEIRA, 19 DE JULHO DE 2018
DATA: 13/04/2018 | FONTE: Correio do Estado Vítima de acidente, sargento tinha 21 anos de PM e era natural de Campo Grande Ronaldo Orquiola de Souza morreu em capotagem nesta madrugada

Foi identificado como Ronaldo Orquiola de Souza, de 46 anos, o sargento do Departamento de Operações de Fronteira (DOF) que morreu em acidente de trânsito ocorrido no final da madrugada desta sexta-feira, na rodovia MS-395, região do município de Bataguassu.

 Ronaldo era natural de Campo Grande e estava na corporação desde 1997, há 21 anos. Lotado no DOF desde 23 dezembro de 2013, era comandante de equipe e completaria 47 anos no mês que vem. Sempre manteve conduta exemplar, segundo colegas de profissão. O policial deixa esposa e três filhos. 

Informações apontam que Ronaldo, juntamente com outros três agentes do DOF, estavam em viatura perseguindo suspeitos, quando o veículo saiu da pista e capotou, por volta das 04h50. O sargento foi arremessado para fora, chegou a ser socorrido, mas não resistiu.

O motorista da viatura teve corte profundo em um dos pulsos e precisou ser encaminhado para hospital em Três Lagoas. Os outros dois, com apenas escoriações, permaneceram no local para acompanhar o trabalho da Polícia Civil e da Perícia. 

Por meio da assessoria de imprensa, o Departamento confirmou o acidente, mas ainda não divulgou detalhes das circunstâncias. "À família enlutada apresentamos nossos sentimentos de solidariedade e respeito pela imensa dor que, com certeza, invade a alma e dilacera qualquer entendimento de lógica", disse em nota o coronel Kleber Haddad Lane, comandante do DOF.

19/07/2018 Veículo caído em córrego mobiliza Bombeiros e atrai curiosos na Capital
ACIDENTE
19/07/2018 Criança de 4 anos solta mão de pai e é atropelada
ACIDENTE
18/07/2018 Ivinhema-Colisão entre caminhões deixa homem preso às ferragens por duas horas
ACIDENTE
17/07/2018 Motociclista invade cruzamento e morre ao bater contra dois carros
ACIDENTE
© JORNAL DO CONESUL | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS