SEGUNDA FEIRA, 18 DE JUNHO DE 2018
DATA: 28/03/2018 | FONTE: tanamidia Itaquiraí- Com nota falsa de carga de arroz caminhoneiro é preso pela PRF com carregamento de cigarros
Na tarde de ontem (27), uma equipe da PRF (Polícia Rodoviária Federal) apreendeu um carregamento de aproximadamente 36.000 pacotes de cigarros de origem paraguaia. A apreensão ocorreu por volta das 15h30m, no município de Itaquiraí, onde os policiais rodoviários federais deram ordem de parada a uma carreta Mercedes Benz de placas aparentes de Jaguariúna/SP, que tracionava um semirreboque com placas aparentes de São José dos Campos /SP. Na abordagem ao ser solicitado os documentos de porte obrigatório ao condutor da carreta, um homem de 41 anos, ele que apresentou sua CNH, os CRLV’s dos veículos e também duas notas fiscais da carga, porém mostrou-se excessivamente nervoso ao dizer que transportava arroz oriundo da cidade de Tacuru-MS. Em uma análise dos documentos, os policiais constataram que as notas fiscais da suposta carga eram falsas, e também o CRLV e o próprio semirreboque apresentava indícios de falsificação. Em seguida, os policiais inspecionaram a carga e verificaram na verdade a carreta estava carregada de varias caixas de cigarro da marca EIGHT, oriundas do Paraguai. Imediatamente foi dada voz de prisão ao motorista da carreta que foi encaminhado juntamente com a carga de cigarros para a Delegacia de Polícia Federal de Naviraí. Em tese o motorista que não teve o nome revelado pela polícia ira responder pelos crimes de contrabando, uso de documento falso, adulteração de sinal identificador de veículo e falsificação de documento particular.
18/06/2018 IVINHEMA: PF “caça” chefes de contrabando milionário
POLICIA
18/06/2018 Jovem é detido por pichar praça pública
POLICIA
18/06/2018 Polícia apreende bolsa com celulares, carregadores e serra do lado de fora da PED
POLICIA
18/06/2018 IVINHEMA: Polícia Civil prende mais dois homens em flagrante por porte de arma de fogo de uso restrito
POLICIA
© JORNAL DO CONESUL | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS