QUINTA-FEIRA, 20 DE SETEMBRO DE 2018
DATA: 11/03/2018 | FONTE: midiamax Cliente acha comanda no chão, manda 'descer' whisky e vai parar na delegacia Estava bebendo cerveja, achou comanda e mandou 'descer' Whisky

Cliente de um bar localizado na Avenida Afonso Pena, em Campo Grande, foi parar na delegacia na madrugada deste sábado (10), depois de tentar aplicar um golpe na casa noturna. Conforme consta no Boletim de Ocorrência, o jovem, que estava bebendo cerveja, teria encontrado uma comanda perdida, e então, passado pedido garrafa de whisky e energético na ficha que em seguida foi descartada.

Para a polícia, o gerente da casa contou que o autor, de 18 anos, estava no local com outros dois amigos. Ao chegar no local, o trio pediu dois baldes de cervejas com seis unidades cada. Momentos depois, o rapaz foi até o garçom e pediu uma garrafa de whisky e energéticos, no entanto apresentou comanda em nome de uma mulher e para justificar, disse que a ficha era de sua namorada, mesmo não estando acompanhado de nenhuma garota.

funcionário do local desconfiou, mas atendeu o pedido e entregou as bebidas. Minutos depois, a verdadeiro dona informou a direção da casa que havia perdido a comanda encontrada pelo autor, momento em que ele passou a ser vigiado por equipe que fazia a segurança do bar.

Perto de ir embora, o jovem foi até o banheiro e descartou a ficha embaixo de uma lixeira, momento em que foi flagrado por um dos seguranças. Na hora de pagar a conta, o rapaz foi informado de que teria que pagar as bebidas que havia consumido, porém, ele negou que tivesse descartado a falsa ficha ou que tivesse bebido whisky.

Para tentar resolver a situação, o gerente da casa noturna tentou negociar dizendo que cobraria apenas as latas de energéticos e três doses de whiski, já que os rapazes não haviam consumido a garrafa inteira, no entanto, o autor continuou negando que tivesse pedido as bebidas.

Diante da situação, um dos três jovens pagou uma das doses, porém os outros dois se recusaram a pagar a conta de R$ 120 restante. Diante disso, equipe da Polícia Militar foi acionada e ambos conduzidos para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) onde a dupla novamente negou a fraude e afirmou estar sendo acusada injustamente. O caso foi registrado como fraude.

20/09/2018 Polícia vê ‘falhas’ de moradores e pede atenção com segurança em casas
POLICIA
20/09/2018 Esquema de tráfico desvendado pelo Gaeco envolvia policiais
POLICIA
20/09/2018 IVINHEMA: Polícia Civil apreende adolescente em flagrante por tráfico de drogas
POLICIA
20/09/2018 Naviraí-Polícia Civil prende individuo acusado do crime de receptação
POLICIA
© JORNAL DO CONESUL | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS