QUARTA-FEIRA, 20 DE SETEMBRO DE 2017
DATA: 08/09/2017 | FONTE: Campo Grande News Arroba do boi se recupera em MS e fecha agosto com alta de 16%
Preços da arroba ficaram baixos desde o começo deste ano, mas se recuperam em agosto. (Foto: Famasul)

Valores da arroba do boi e da vaca se recuperaram em agosto e registraram crescimento de 16%, depois de sete meses em baixa, em Mato Grosso do Sul. Os preços sofreram retração devido a crise política, por causa da delação da JBS, que começou em março deste ano.

Os números positivos são do boletim da Casa Rural, da Famasul (Federação de Agricultura e Pecuária de MS). O preço da arroba do boi avançou 16,18% do dia 1º ao dia 29 de agosto e foi cotada a R$ 134,42.

Já a arroba da vaca avançou 16,76% e é negociada a R$ 124,00, ambos os preços à vista. Em comparação com o mesmo período do ano passado, os valores ainda estão baixos com retração de 10,35% no preço da arroba do boi e de 13,71% na arroba da vaca.

Ainda segundo o boletim, o cenário de alta deve continuar em setembro, por causa da baixa oferta de gado. Só que, para que os preços continuem altos, o consumo brasileiro precisa aumentar. Ou seja, mesmo com as boas exportações, é preciso que o consumo interno aumente para que o valor da arroba continue elevado.

Cotações - Além do preço, houve alta também nas cotações da arroba do boi gordo em agosto. No fechamento do pregão no dia 28, o contrato com vencimento em setembro avançou 6,36% no período, com a arroba negociada a R$ 142,10. O contrato com vencimento em outubro avançou 3,50% e negociado a R$ 140,50.

 

20/09/2017 Justiça rejeita ação contra prefeito e vice de Sete Quedas que deram pão e mortadela em período eleitoral
Geral
20/09/2017 Em Eldorado Campanha Nacional de Multivacinação foi um Show de entretenimento
Geral
20/09/2017 Desiludido, baiano abandona a família e passa a morar embaixo de ponte na BR 163
Geral
20/09/2017 Funcionários dos Correios entram em greve e serviços são afetados
Geral
© JORNAL DO CONESUL | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS