SEXTA-FEIRA, 22 DE JUNHO DE 2018
DATA: 26/08/2017 | FONTE: UOL "The Tick" chega à Amazon e criador diz que "é a hora certa de zoar heróis"
Foto Divulgação

Uma semana após a estreia de "Os Defensores", a Amazon Prime, principal concorrente da Netflix no mercado de streaming, lança na sexta-feira (25) sua aposta no gênero de super-heróis: a série "The Tick".

Trata-se da terceira adaptação do excêntrico Carrapato Azul da editora New England Comics para a televisão. "The Tick" já teve vidas passadas como animação e até uma versão live action em 2001, cancelada por falta de audiência após nove episódios.

Para o cartunista Ben Edlund, que criou o personagem nos anos 80, a nova versão vai cair no gosto do público porque os super-heróis estão mais em alta do que nunca e precisam ser levados menos a sério.

"É justamente porque existem tantos super-heróis que as pessoas deveriam ver mais um", defende Edlund em entrevista ao UOL. "A saturação dos super-heróis de quadrinhos está completa e tem mais heróis chegando", diz Edlund, que classifica seu personagem como "estranho e bizarro".

"É a hora certa de zoar os heróis"

Com "Mulher-Maravilha", "Homem-Aranha: De Volta ao Lar" e "Logan" figurando entre as grandes bilheterias do ano, 2017 ainda vai ter a estreia de "Thor: Ragnaroki" e "Liga da Justiça". Entre as séries, impulsionada pelo acordo entre Marvel e Netflix, a lista de novos títulos derivados de HQs só cresce: "O Justiceiro", "Inumanos", "Manto e Adaga" e The Gifted" são as mais faladas.

Edlund, que também é roteirista e produtor na série, no entanto, acredita que falta humor no gênero. "É a hora certa de zoar os heróis", declara.

E "The Tick" não demora a cumprir a promessa. Já no primeiro episódio, a série mostra uma versão canastrona do Superman. Creditado como "o primeiro super-herói do mundo", o personagem aparece dando uma entrevista para Whoopi Goldberg. Na conversa, ele fala sobre seus feitos e diz que o Terror, vilão que aterrorizou a cidade no passado, está completamente aniquilado, apesar dos rumores de sua volta.

O retorno iminente do Terror é o que conduz a história nos primeiros episódios. Traumatizado por uma aparição em sua infância, o jovem Arthur (Griffin Newman) desenvolve uma compulsão pelo antagonista. Tido como louco pela maioria das pessoas, Arthur conhece o The Tick, que além de acreditar em teorias da conspiração e usar um espalhafatoso traje azul, também é uma espécie de guru. Os dois então começam uma estranha, porém eficiente parceria.

Fazendo piada de clichês, como aquele momento em que todo personagem com superpoderes se questiona se realmente deve abraçar a jornada para qual foi destinado, "The Tick" traz um refrescante olhar sobre os lugares-comuns do gênero e é uma boa opção para quem quer acompanhar as aventuras, mas também rir com os heróis. 

22/06/2018 De férias na Europa, Pabllo Vittar vive romance com empresário árabe
ENTRETENIMENTO
22/06/2018 Após passar mal em gravação, Geraldo Luís faz exame, descobre que está doente e se pronuncia
ENTRETENIMENTO
21/06/2018 Mara provoca ‘climão’ em aniversário de Livia Andrade no Fofocalizando
ENTRETENIMENTO
21/06/2018 Monica Benini abre o coração ao falar de Otto, filho com Junior Lima
ENTRETENIMENTO
© JORNAL DO CONESUL | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS