SEXTA-FEIRA, 22 DE SETEMBRO DE 2017
DATA: 26/08/2017 | FONTE: Gazeta Esportiva PSG vence St.Etienne e mantém invencibilidade no Francês
Jogadores do PSG comemorando o segundo gol da partida. (Foto: Franck Fife)

O Campeonato Francês perdeu uma de suas equipes invictas na sexta-feira. Jogando em casa, o Paris Saint-Germain chegou a sua quarta vitória após superar o St. Etienne por 3 a 0, em partida da quarta rodada, no Parque dos Príncipes. Edinson Cavani, duas vezes, e Thiago Motta marcaram os gols da partida.

Com o resultado, o clube parisiense chegou ao seu quarto triunfo em quatro jogos, foi a 12 pontos e permanece no topo da tabela. Já o St. Etienne perde a sua invencibilidade e continua com nove pontos no pelotão da frente.

Na próxima rodada, os comandados de Unai Emery irão visitar o Metz, no sábado, dia 9 de setembro, no estádio Saint-Symphorein. Já o St. Etienne tem como próximo compromisso o Angers, no mesmo dia. O espaço entre os dois jogos se dá por causa da data Fifa, o que faz os campeonatos europeus serem paralisados.

O jogo

A primeira oportunidade de gol na partida foi do St. Etienne. Aos oito minutos, Janko finalizou de fora da área, mas a bola subiu muito e foi para fora do gol.

Aos 18, Neymar enfiou a bola para Cavani, que é puxado por Janko. O juiz marcou a penalidade. O atacante uruguaio mandou uma bomba no lado esquerdo do gol e foi comemorar com o craque da Seleção Brasileira. Paris Saint-Germain abria o placar.

Os visitantes tiveram uma grande chance de empatar a partida aos 24 minutos. Em contra-ataque, Bamba foi enfiado nas costas da defesa, saiu cara a cara com o goleiro e bateu cruzado, mas Aréola conseguiu tocar o pé na bola e impedir o gol.

Aos 30, Maiga arriscou de fora da área, mas a bola foi para fora. Um minuto depois, Meunier conseguiu afastar o perigo da área do PSG. Já aos 36, Selnaes chutou e a bola desviou no zagueiro Marquinhos.

O time da casa desperdiçou uma boa chance aos 41. O clube parisiense tinha um bom contra-ataque a seu favor, entretanto Pastore errou o passe para Di Maria.

Na volta do intervalo, não demorou muito para o Paris Saint-Germain ampliar o placar. Aos seis minutos, Neymar cobrou falta rapidamente, Marquinhos ajeitou de peito e a bola sobrou na entrada da pequena área para o volante Thiago Motta chegar finalizando para fazer 2 a 0.

Os comandados de Unai Emery voltaram a incomodar o goleiro adversário aos 21 minutos. Di María cobrou falta de longe, a bola quicou e acertou a trave direita do goleiro Ruffier. No rebote, a zaga colocou para escanteio.O time visitante deu a resposta e Aréola voltou a fazer boa defesa aos 27. Bamba recebeu a bola em contra-ataque e finalizou, mas o goleiro do PSG defendeu.

Aos 28, Di María finalizou, a bola desviou e Ruffier salvou no reflexo. Na sobra, Cavani isolou. Dois minutos depois, o time da casa ia arrancando em um grande contra-ataque, no entanto Di María se atrapalhou com a bola e ela saiu pela linha de fundo.

Aos 41, Pajot finalizou de fora da área, entretanto a bola subiu de mais. Os mandantes responderam imediatamente. Lo Celso arriscou de canhota e o goleiro Ruffier espalmou, fazendo uma grande defesa.

No apagar das luzes, o Paris Saint-Germain conseguiu marcar o seu terceiro gol. Neymar abriu a jogada para Meunier, que recebeu no lado direito e cruzou. Cavani apareceu livre no meio da entrada para empurrar a bola para o fundo do gol.

Lyon enfrenta o Nantes

No sábado o Lyon, que tem sete pontos e também pretende lutar pelo título ou por uma vaga na Liga dos Campeões na pior das hipóteses, visita o Nantes, que tem três pontos e quer subir na tabela de classificação.

22/09/2017 Mesmo com eliminação, Guedes agrada e deve seguir como titular no Santos
ESPORTE
22/09/2017 Dez anos após gol histórico, Betão se solidariza com fase do São Paulo
ESPORTE
21/09/2017 Grêmio elimina Botafogo em Porto Alegre e vai às semifinais da Libertadores
ESPORTE
21/09/2017 Levir critica cusparada de Bruno Henrique em jogador do Barcelona-EQU: “Imaturidade”
ESPORTE
© JORNAL DO CONESUL | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS