SEXTA-FEIRA, 24 DE NOVEMBRO DE 2017
DATA: 28/06/2017 | FONTE: Campo Grande News Erosão avança e se aproxima de bairros e cemitério em Ivinhema
Erosão do bairro Vitória, em Ivinhema, ameaça engolir casas e cemitério. (Foto: Ivinotícias)

A erosão continua avançando em direção ao perímetro urbano de Ivinhema. O problema é antigo e tem se mostrado sem solução. A voçoroca começa no bairro Vitória e se aproxima de casas e até do cemitério, no bairro Triguinã.

Os moradores estão apreensivos porque a erosão deve aumentar quando começar o período de chuvas. De acordo com o site Nova News, o desmoronamento do terreno arenoso avançou nos últimos dias e está bem perto do cemitério da cidade.

No ano passado, foi decretado situação de emergência no município e o decreto foi homologado pelos governos estadual e federal. Apesar dos esforços anunciados para o trabalho preventivo, inclusive com ações nos córregos Ponta Porã e Andorinha, a voçoroca continua crescendo.

Em dezembro de 2015, por intervenção do Ministério Público, a prefeitura se comprometeu a fazer serviços emergenciais, mas a situação não mudou.

Gasto milionário – Em abril, o Campo Grande News mostrou que todas as obras feitas até então, com gasto de pelo menos R$ 6 milhões, se mostraram ineficientes para controlar a erosão.

Naquele mês, uma vistoria feita por pesquisadores da Agraer (Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural), pela promotora de Justiça Juliana Martins Zaupa e por técnicos do setor de engenharia da prefeitura revelou que o problema, surgido há pelo menos 20 anos, continua longe de uma solução.

Segundo a promotora, desde o surgimento da cratera foram feitas obras de engenharia pelo município. No entanto, as intervenções se mostraram insuficientes e muitas já estão destruídas.

Perícias do Daex (Departamento Especial de Apoio às Atividades de Execução) do Ministério Público Estadual apontaram como maior causa das erosões a falta ou deficiência no sistema de drenagem urbana. Um grande volume de água dos bairros chega às voçorocas e assoreia os córregos.

23/11/2017 BSB investe no seu capital humano
Geral
23/11/2017 Mais de 50 peregrinos de Naviraí visitam o Santuário de Schoenstatt de Atibaia
Geral
23/11/2017 Concurso da Polícia Civil convoca 90 para teste físico em MS
Geral
23/11/2017 Energisa não poderá cortar energia do cliente por falta de pagamento, decide Justiça de MS
Geral
© JORNAL DO CONESUL | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS