SBADO, 23 DE SETEMBRO DE 2017
DATA: 22/03/2017 | FONTE: MidiaMax Acusado de matar mulher em frente aos três filhos é preso em Sete Quedas
Durante a abordagem, ele teria fornecido um nome falso e dito ter perdido os documentos, mas de posse das características de Davi, o acusado acabou preso e levado para a delegacia de Sete Quedas. (Foto: Divulgação)

Davi Eraldo de Oliveira, de 26 anos, foi preso ontem (20), na cidade de Sete Quedas, acusado do assassinato de Andreia Alves de Souza, de 24 anos, em dezembro de 2016, no Paraná.

Policiais paraguaios tentaram abordar Davi, na cidade de Pindoty Porã quando ele fugiu para o lado brasileiro. Os militares de Amambai foram avisados e passaram a fazer buscas na tentativa de localizar o autor.

Durante a abordagem, ele teria fornecido um nome falso e dito ter perdido os documentos, mas de posse das características de Davi, o acusado acabou preso e levado para a delegacia de Sete Quedas.

O assassinato

Davi Eraldo de Oliveira é acusado de assassinar Andreia em dezembro de 2016. Ele teria pulado o muro de sua residência e efetuado dois disparos. O crime foi presenciado pelos três filhos da jovem, de 8, 3 e um bebê de 8 meses.

Ele acreditava que Andreia apresentava pretendentes a sua ex-namorada, o que motivou o crime. Depois do assassinato ele fugiu a bordo de uma motocicleta, que dava cobertura do lado de fora da residência, segundo o site Notícias da Hora.

23/09/2017 Rapaz morto com golpes de facão tem mão decepada e dedos amputados
POLICIA
23/09/2017 Motorista que levou PM até local onde matou jogador de hóquei é preso
POLICIA
23/09/2017 Suspeito de crime sai da cadeia antes de sepultamento de vítima
POLICIA
23/09/2017 Homens em Sandero branco atiram em pescoço de vítima perto da rodoviária
POLICIA
© JORNAL DO CONESUL | TODOS OS DIREITOS RESERVADOS